O que são borras e como eliminá-las
22 de agosto de 2019
Cuidados com seu carro em dia de chuva
4 de setembro de 2019

Quer tunar seu veículo? Veja alguns cuidados essenciais

Ter o carro tunado é um grande desejo para muitos apaixonados por carros. Porém, é muito importante tomar certos cuidados para que as personalizações não prejudiquem o veículo, sua direção e a sua segurança.

Os acessórios extras devem estar de acordo com a Resolução Contran, pois irregularidades podem acarretar em multas, além da perda de 5 pontos na carteira de habilitação.

Veja abaixo alguns dos fatores que devem ser cuidados ao tunar seu veículo!

Motor

Essa é uma das partes mais esperadas pelos proprietários apaixonados. Tunar o motor garante maior potência e um desempenho ainda melhor para o veículo, no entanto é necessário ficar atento aos limites.

A lei não permite que a alteração seja superior a 10% da potência do motor original. Uma vez que o motor já estiver tunado, tenha atenção aos barulhos que ele faz, pois eles podem ser indícios de um problema.

Para cuidar adequadamente, utilize os óleos e aditivos suplementares adequados, como o Bardahl Power Racing e Bardahl B12 Turbo.

Pneus e rodas

Existem diversas opções de rodas e pneus para quem deseja personalizar o veículo. Porém, o manual do proprietário tem indicações precisas de quais são os modelos mais adequados para garantir maior segurança e conforto ao dirigir.

De acordo com a legislação sobre o assunto, é proibido alterar o diâmetro, pois corre o risco de exceder o para-lamas.

Freios e suspensão

Lembre-se que freio é item de segurança. A lei não permite alterar os freios originais do veículo. Qualquer mudança é perigosa, pois pode haver incompatibilidades entre as peças instaladas.

Já a suspensão pode ser alterada, desde que não tenha regulagem de altura – pois isto também é passível de punição.

Se a intenção for rebaixar o veículo, isso é permitido apenas depois de autorização do Inmetro. E leve em consideração as características da sua cidade e dos percursos que você normalmente faz.

Alterações estéticas e visuais

Para as alterações que são puramente visuais, como a implementação de acessórios, é importante que eles não atrapalhem a visão periférica do motorista e nem devem ser desproporcionais ao tamanho do veículo.

Se você optar por mudar a cor do veículo, ao passar 50% da cor original, é necessário também alterar a documentação. Já os faróis de Xenon, que possuem um brilho mais intenso, também deve ser aprovados pelo Detran e pelo Inmetro após a instalação.

Na hora de fazer essas alterações, não deixe de buscar um profissional qualificado e responsável de sua confiança.

Veja mais dicas em nosso blog e encontre os produtos Promax Bardahl em nossa loja!